Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

azuleazul

azuleazul

Caixinha de emoções

02.02.06 | Kita



Abro a caixinha de emoções

Brota uma gota de desilusão

Escorre um pedaço de amor

E abro-te o meu coração...



Mostro-te aquela gota gigante de dor

Aponto novamente aquela lágrima que chorei

Lembro-te que foi tudo por aquele amor

A perdição em que outrora mergulhei.



Relembro-te o nascer da minha aurora

A caminhada para o meu despertar

Abandonara a minha sombra de outrora

E, tu sabes, só para em ti mergulhar.



E mostro-te o meu sonho de eterno amor

E aponto-te como aquela pétala de mar

A tua onda de água salgada, sem sabor

Veio bater na areia para a mim me inundar.



E mostro a tua onda, espuma branca que passou

E lembro-te da areia molhada no meu areal

A palavra de mar, o pôr de sol que ficou

E a revelação: a pétala, a onda de sal, o real.



E lembro-me que o espinho também é da rosa

E que sem o mar não há ondas nem areal

Abraças-me de novo numa espuma saudosa

Fechamos a caixinha.Água doce, sem sal.



















1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Notificações de respostas serão enviadas por e-mail.